quarta-feira, 18 de julho de 2012

Cheiro da chuva - Petrichor


Petrichor: O cheiro de pó após a chuva

Derivado da palavra grega petros (pedra) e ichor (o fluido que flui através das veias dos deuses), Petrichor é o nome dado para o cheiro almiscarado orvalhada, que acompanha a primeira chuva após um período de seca. 

É, em parte, emitida por rochas, argilas e solos, que absorvem óleos emitidos pela vegetação durante os períodos seco e quente. Quando começa a chover, o cheiro oleoso é liberado. Este cheiro é tão complexo como um perfume feito de pelo menos cinqüenta compostos químicos distintos, mas esta evento não é o único que contribui para o aparecimento do cheiro característico.

A geosmina é um composto orgânico que se traduz literalmente como "cheiro de terra", produzido por cianobactérias (algas verde-azuladas) e actinobactéria (esporos de bactérias), é encontrado tanto em solos e rochas. 

O nariz humano é incrivelmente sensível a geosmina, podemos detectar concentrações tão baixas como 5 partes por trilhão. 



Você gostaria de ter perfumes com Petrichor?

Pesquise mais em:
http://www.nano-macro.com/2011/08/cheiro-da-chuva.html


2 comentários:

  1. Olá, sou administrador do blog Do Nano ao Macro. Obrigado por referenciá-lo em sua postagem.

    Abraços. =D

    ResponderExcluir
  2. Conseguimos produzir uma essência com esse cheiro?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...