domingo, 11 de novembro de 2012

Teste da chama de uma maneira diferente

O teste de chama ou prova da chama é um procedimento utilizado em Química para detectar a presença de alguns íons metálicos, baseado no espectro de emissão característico para cada elemento.
O teste de chama é baseado no fato de que quando certa quantidade de energia é fornecida a um determinado elemento químico (no caso da chama, energia em forma de calor), alguns elétrons da última camada de valência absorvem esta energia passando para um nível de energia mais elevado, produzindo o que chamamos de estado excitado. Quando um desses elétrons excitados retorna ao estado fundamental, ele libera a energia recebida anteriormente em forma de radiação. Cada elemento libera a radiação em um comprimento de onda característico, pois a quantidade de energia necessária para excitar um elétron é única para cada elemento. A radiação liberada por alguns elementos possui comprimento de onda na faixa do espectro visível, ou seja, o olho humano é capaz de enxergá-las através de cores. Assim, é possível identificar a presença de certos elementos devido à cor característica que eles emitem quando aquecidos numa chama.

Nesse experimento utilizamos o fio de cobre sem nenhum tratamento prévio.







Para a  realização desse experimento deve-se tomar alguns cuidados:
Não colocar a parte plástica do fio em contato com o fogo, pois, ocorre a liberação de substâncias tóxicas, preferencialmente realizar em laboratórios, com exaustores, estufas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...