domingo, 10 de abril de 2011

Os avós tinham razão em embrulhar as frutas em jornal. E a Química explica!

Meu avô sempre embrulhava as frutas em jornal, como: as bananas, abacates entre outras. Sempre dizia que o processo funcionava e amadurecia mais rapidamente as frutas. Ele tinha razão e a Química pode explicar o fato. O responsável é o gás etileno ou  eteno. Fórmula Molecular: C2H4.


                                                                 Fórmula Estrutural Plana



Etileno ou Eteno


José Carlos Fachinello & Elio Kersten
           

            O etileno, também conhecido como “hormônio do amadurecimento”, é o único regulador vegetal gasoso, que apresenta atividade biológica em concentrações bastante reduzidas.
            Além do controle do amadurecimento das frutas, o etileno provoca alterações de sexo em flores de cucurbitáceas; promoção da floração em abacaxi; dormência de sementes, gemas, esporos, pólen, expansão de órgãos, epinastia, senescência de folhas e flores, abscisão, entre outros.
            O etileno é produzido por todas as partes da planta, em quantidades variáveis com o tecido e com o estádio de desenvolvimento. Tais quantidades podem ser aumentadas por ferimentos, durante a senescência e a abscisão de tecidos foliares e florais.
            O etileno é sintetizado no vacúolo e a sua movimentação pode se dar por difusão na fase gasosa dos espaços intercelulares dos tecidos ou através do floema e do xilema.
            O precursor natural do etileno é a metionina que é convertida em SAM (S-adenosilmetionina), que por sua vez é decomposta em ACC (1-amino-ciclopropano-1-carboxílico), precursor direto do etileno.
            Metionina  ®  SAM  ®  ACC  ®  Etileno
            A produção de etileno é bastante reduzida nas frutas não-climatéricos, porém sua aplicação exógena provoca um aumento na respiração, proporcional à sua concentração. Com a retirada do etileno, a respiração volta à taxa normal. Já nas frutas climatéricas, ocorre o início da produção de etileno no início do climatérico, até um pico, a partir do qual ocorre declínio na evolução do gás, sendo que o pico da produção de etileno coincide com o pico climatérico da respiração.





As frutas embalada amadurecem muito mais rapidamente do que as que não estão embrulhadas.
Os avós tinham razão em embrulhar as frutas no jornal!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...